Médica de Vizela acusada de abusar de 23 pacientes

Muito triste mas é verdade. A profissional de saúde Angelina Neves está em grandes apuros, tendo quatro processos pendentes por supostamente ter abusado de 23 pacientes em diferentes freguesias de Vizela. Durante cerca de três anos e meio, a médica trabalhou em cerca de 5 centros de saúde em Caldas de Vizela, Santa Eulália e Santo Adrião de Vizela, e bem, em todas as zonas causou estragos.

O escândalo só veio agora a público depois de algumas queixas terem sido emitidas e parece que Angelina abusou de, no mínimo, 23 pacientes seus que foram até ao seu consultório. Recorrendo a anestesias e a supostos “exames aos testículos”, ela conseguiu abusar de 23 homens que decidiram falar abertamente sobre o assunto e hoje, ninguém sabe do seu paradeiro mas os processos já se encontram em curso.

Uma das vítimas avisa que “desde o início que a profissional parecia demasiado sexual”, sendo que foi mais longe e disse “com o decote com que se apresentou nas minhas três consultas, o difícil era manter a sanidade”. Apesar de não ter existido consentimento por parte de alguns pacientes, consta-se que alguns iam com alguma frequência deliberadamente visitar o gabinete de Angelina.

Nota: Artigo fictício/satírico/humorístico. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade, é meramente ficcional.